Conheça o Perfil da Banca Organizadora Consulplan

Dando continuidade à série “Bancas Organizadoras”, hoje vou analisar o perfil da Consulplan, considerada a maior organizadora privada de concursos públicos do Brasil. 

Essa banca, que até então era desconhecida por grande parte dos concurseiros, recentemente passou a organizar grandes concursos como TRF 2 (2016), TRE RJ (2017)TJMG (2017).

Mas vale ressaltar que em anos anteriores a banca também já realizou grandes certames como TSE (2011) e IBGE (2011), além de seleções de várias prefeituras, câmaras municipais e instituições de ensino superior do país.

Por isso, ao estudar para concurso, você não pode focar apenas em organizadoras mais conhecidas como Cebraspe e FCC.

Você também precisa começar a dar a devida atenção para a Consuplan, pois há grande possibilidade dessa banca organizar um concurso que você irá prestar.

Para te ajudar nisso, fizemos um levantamento das principais características da Consulplan. E você vai ter acesso a esse conteúdo a partir de agora.

Como é a Prova da Consulplan

concursos consulplan

Você já prestou um concurso organizado pela Consulplan?

Se sim, provavelmente achou o estilo de cobrança da banca bem diferente do Cebraspe e da Fundação Carlos Chagas (FCC), por exemplo. 

É que as provas da Consulplan costumam ser mais simples e objetivas. 

Por outro lado, a banca costuma, por exemplo, cobrar assuntos de legislação pouco usuais e não cobra atualidades como as outras bancas. 

É por conta dessas e outras particularidades que eu reforço a minha orientação de sempre: resolva questões exaustivamente. Busque provas anteriores da banca e faça o máximo de exercícios que puder.

Só assim você vai se familiarizar com a Consulplan e ganhar mais confiança no dia da prova. Algumas dicas também podem te ajudar na preparação. Confira abaixo! 

Dicas Gerais Consulplan

dicas consulplan 

  • O formato das provas objetivas é tradicional: questões de múltipla escolha com quatro ou cinco opções de resposta;
  • Assim como o Cebraspe e a Fundação Carlos Chagas, a Consulplan também prioriza a lei seca nas provas de Direito;
  • Já doutrina e jurisprudência não são assuntos muito frequentes, mas você não pode descuidar dessa parte; 
  • Em Direito Administrativo e Constitucional, é imprescindível dominar as leis 8.112/90, 8.429/92 e 9.784/99; 
  • Licitações/contratos e princípios da Administração Pública também são matérias muito cobradas em Direito Administrativo
  • Em Direito Eleitoral, são grandes as chances de aparecerem questões sobre Justiça Eleitoral, Direitos Eleitorais, Direitos Políticos e Partidos Políticos, Direito de Nacionalidade e Alistamento Eleitoral; 
  • Nos enunciados das questões, a banca costuma usar palavras exclusivas, como exceto. Tome cuidado para não se confundir; 
  • Nas provas de Português, é muito cobrada a compreensão e interpretação de textos. Semântica e significação das palavras também caem muito;
  • Ainda nas provas de Português, os textos são relativamente longos e complexos, diferentemente das provas das demais disciplinas. Para se preparar, resolva muitas questões de Português da Consulplan;
  • Nas provas discursivas (redação), a expressão é um aspecto avaliado com muito rigor, portanto, você precisa mostrar ao examinador que domina o padrão culto escrito da língua e tem clareza ao expressar suas ideias;
  • Nas provas de Informática, os temas mais recorrentes são teclas de atalho, e-mail, protocolos e Pacote Office. As questões são bem parecidas com as provas de Informática do Idecan. 

Curso de Memorização com Renato Alves, primeiro recordista brasileiro de memória 

curso-estudo-e-memorização-renato-alves

Concurseiro (a), esse cara aí é fera! Tive o prazer de conhecê-lo pessoalmente!

Para quem não o conhece, estou falando do professor Renato Alves, na foto acima. Ele foi o primeiro brasileiro a receber o título de melhor memória do Brasil pelo Rank Brasil, livro dos recordes nacionais.

O título de campeão em memorização foi em reconhecimento ao método de aprendizagem acelerada desenvolvido por ele para ensinar estratégias de foco e memorização para estudantes e profissionais que lidam com muita informação e dispõe de pouco tempo.

Com esse mesmo propósito, Renato Alves criou o curso online Estudo e Memorização, que você já deve ter ouvido falar, né?

O treinamento é considerado o melhor em memorização para vestibulares e concursos públicos no Brasil. 

Mas por que estou falando deste curso? 

Te explico agora, concurseiro (a): 

1 – A Consulplan é uma banca conhecida por cobrar a lei seca, ou seja, o conhecimento literal das leis e da norma constitucional. Aí entra o curso Estudo e Memorização, que te ensina a montar um plano de estudos vitorioso para aprender a memorizar qualquer matéria e lembrar de tudo na hora da prova;

2 – O curso é ministrado pelo Renato Alves, que considero o melhor profissional do Brasil quando se trata de técnicas de memorização para concursos públicos;

3 – Mais de 50 mil alunos já aprovaram o curso, que possui o selo de qualidade Weic, a maior certificação nacional em treinamento e conteúdo;

4 – Já fiz uma avaliação completa do curso e por isso me sinto seguro para indicá-lo; 

5 – Você tem acesso irrestrito ao conteúdo 24 horas por dia durante seis meses;

6 – Você tem garantia de satisfação. O que isso significa? Que se você comprar o curso e não ficar satisfeito com o conteúdo, pode pedir o seu dinheiro de volta em até 7 dias. A devolução é de 100% do valor do investimento;

Esses são os motivos que listei para você, mas não fique só com a minha palavra. Recomendo que acesse o site do curso e veja os depoimentos de alunos. É só clicar no link a seguir:

→  Curso Estudo e Memorização com Renato Alves, primeiro recordista brasileiro de memória

Leia também: 

Conheça o Perfil da Banca Organizadora Consulplan
4.3 (85%) 4 votes

Comente este artigo!